Gestão arqueológica: PCH em Minas Gerais e Rio de Janeiro

O Programa de Prospecção Arqueológica e Educação Patrimonial na área de implantação da PCH Cabuy deu continuidade aos estudos arqueológicos desenvolvidos em 2011, pelo Diagnóstico Arqueológico Interventivo e promoveu, em conformidade com a Portaria IPHAN nº. 137, de 28 de abril de 2016, ações educativas e culturais em parceria com os protagonistas e atores socioculturais locais dos municípios abrangidos pelo empreendimento: Simão Alvares e Belmiro Braga – MG; e em Monte Serrat, em Comendador Levy Gasparian – RJ.

Além de cumprir com as exigências da legislação brasileira, incluindo a Portaria IPHAN/MinC  nº 7, de 01 de dezembro de 1988, que prevê prospecções, acompanhamento e resgate arqueológico e ações de Educação Patrimonial, bem como a Portaria IPHAN nº 230, de 17 de dezembro de 2002 e a Instrução Normativa IPHAN nº. 01, de 25 de março de 2015, o objetivo foi colaborar para a formação de agentes multiplicadores no processo de sensibilização da população para o seu papel corresponsável nas ações de proteção do patrimônio cultural e ambiental.

O Programa de Prospecção Arqueológica e de Educação Patrimonial buscou garantir a proteção, o conhecimento e a salvaguarda de todo e qualquer vestígio arqueológico passível de ser encontrado nas áreas objeto de intervenção ou de impacto do empreendimento, expressando o compromisso e a corresponsabilidade de todos com o cuidado, proteção e salvaguarda da memória e do patrimônio histórico, cultural e arqueológico brasileiro.

O Diagnóstico Arqueológico Interventivo identificou, na área do empreendimento, dois sítios histórico-arqueológicos:  Cabuy e Villa do Porto e os alicerces de uma antiga ponte, também de interesse arqueológico.

Assim, com o objetivo de compartilhar os resultados desses estudos arqueológicos desenvolvidos na região com o público escolar e em geral das localidades próximas ao empreendimento, nos mencionados municípios de Simão Pereira e Belmiro Braga – MG e no bairro de Monte Serrat de Comendador Levy Gasparian – RJ, de forma a também colaborar para o maior conhecimento sobre os povos que ocuparam o território no passado, a equipe de Educação Patrimonial da A Lasca Arqueologia organizou, em conjunto com os gestores culturais e escolares locais uma Mostra Educativa sobre Arqueologia e o Patrimônio Cultural e Arqueológico da região.

Além de visitas guiadas à exposição Arqueologia, Patrimônio e Sustentabilidade, com painéis expositivos sobre os referidos achados histórico-arqueológicos na área do empreendimento e aqueles em geral na região, incluindo informações sobre as escavações na região da Lagoa Santa – MG, integraram a Mostra Educativa: encontros, palestras, bate papos, rodas de conversa e oficinas educativas diversas, como também workshops, que foram voltados para o público escolar e em geral, desenvolvidos nos espaços públicos locais, e que estão apresentados. O conteúdo da mostra está reproduzido a seguir.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s